Um homem não é um homem de verdade até ter um ideal maior que ele mesmo.



È a regra mais elementar da vida pequeno gafanhoto e provavelmente você não vai aprender isso de outra maneira se não com experiências próprias.
Um homem não teve uma vida de verdade enquanto não amou alguem mais do que a ele mesmo... e sentiu-se da mesma maneira. Isso é fugir do ideal egocêntrico de vida, de entender a sua existência como sendo parte de uma coisa maior.
Se você não tem em quem confiar, você não tem nada. È como aquele conto:

"A batalha estava perdida, o grupo de soldados estava retornando. De repente, um dos membros nota a ausência de um amigo e pede permissão para voltar e salva-lo.
- È loucura, ele já está morto. - disse o capitão.
Desobedecendo ordens ele foi mesmo assim. Voltou tempos depois com um colar de identificação nas mãos e lágrimas nos olhos.
- Lhe avisei que ele já estava morto, que era em vão. - falou-lhe o capitão.
- Desculpe senhor, mas quando eu cheguei ele ainda não estava morto. - falou em tom de revolta o soldado - Ele mal conseguia respirar e enquanto eu tentava salvar sua vida, ele segurou minha mão e falou: "Amigo, eu sabia que você viria" ."

Quem voltaria para tentar lhe salvar? Por quem você enfrentaria o inferno só para tentar fazer alguma coisa? Isso faz parte da parte mais bela do ser humano. Desmerecida e incompreendida muitas vezes.
E tem mais, se você não se orgulha de onde vem, você também não é nada. Por mais sujo que seja seu passado, por mais horrível que seja sua história, o que você é hoje é o que aconteceu contigo no passado e o que você aprendeu com isso. Tenha vergonha do seu primeiro emprego, de seus pais e você não terá meu respeito. (salvas excessões, claro). A vida também não terá respeito por você pequeno gafanhoto.
Já disse meia dúzias de vezes, mas é a coisa mais certa que eu já ouvi nada vida: Você escolhe o que semeia, não o que colhe".
Viva só por si, viva e mate seus amigos por um momento de prazer próprio, você verá que acabará em nada - e sozinho.
Ser mais do que você mesmo não é fácil, afinal, cuidar só de você é mais simples. Só que pare e pense, você não é e nunca será feliz e realizado sozinho.
Se todos preservassem a vida da pessoa ao lado como preservam a sua, não haveria guerras, não haveria tanto ódio e tanta revolta. Como o o personagem principal do filme K-pax (vejam se ainda não viram) brilhantemente já falou: "O seu Jesus e o seu Buda tentaram falar, mas você humanos, vocês não entenderam nada".
Pare agora mesmo e crie um belo ideal para sua vida. Não precisa ser algo grande, começe ajudando o mundo com uma pequena idéia, com algumas poucas palavras. Logo surgirão semelhantes e você se verá fazendo o que nunca conseguiria sozinho.


A recompensa é enorme pequeno gafanhoto, enorme. Você entenderá a razão de viver..

4 comentários:

  thomasbs

3:35 PM

Interessante modo de pensamento. K-pax se for o mesmo filme, é realmente interessante...

  Didgio

6:24 PM

È esse... eu sabia que o nome se escrevia diferente =p

  Aninha Goulart ®

7:51 PM

Por favor, passa lá no blog do FRCC. Preciso da sua opinião sobre uma decisão que tomei. http://blogsdequalidade.blogspot.com

  Aninha Goulart ®

1:41 PM

Seu blog vai ficar em destaque no Arquivinho e no FRCC durante essa semana. Enfim, se fez justiça. Parabéns e sucesso sempre! Aninha

Post"s Relacionados




Recomendamos