Pobre cavalo Calico.


Não foi a primeira vez, o pobre animal vinha tentando retomar a vida normal, passeando e se alimentando bem, quando, pela segunda vez, Leeroy Le Gallais invade seu estábulo e comete um abuso sexual.

Um homem da ilha de Guernsey foi condenado a três anos de prisão por ter feito sexo com um cavalo pelo menos duas vezes. Na primeira vez em que Leeroy Le Gallais atacou o animal chamado Calico, em outubro de 2007, ele deixou sua cueca na cena do crime. Na segunda, em abril deste ano, o dono do cavalo desconfiou de Le Gallais ao encontrar seu estábulo bagunçado e o denunciou à polícia.

Como o homem de 46 anos já havia sido condenado à liberdade condicional após o primeiro ataque, a denuncia resultou em sua prisão. “Bebi algumas cervejas, fui ao estábulo e tive relações com o cavalo”, admitiu Le Gallais no tribunal. O animal tem 23 anos.(G1 - Planeta Bizarro)


O homem tem problemas psicológicos, é claro. Ele negou, mas acabou por confessar o caso e aceitou a prisão, mas Quem sofre com tudo isso é o Caligo, coitado. Depois de mais de 23 anos de dedicação aos donos.

Bizarro.

Bom, sempre tem aquelas histórias que falam sobre ovelhas.

PS: A identidade do animal foi preservada.

0 comentários:

Post"s Relacionados




Recomendamos